Tendencias Logística 2017

Tendências em logística 2017

As Tendências em logística 2017, é um dos assuntos mais recorrentes com nossos clientes. Com o fim do ano se aproximando, muita gente já começa a pensar sobre o começo do próximo e como pode melhorar seu negócio. Por isso, a Metrópole Logística separou 5 tendências em logística para 2017, que vem fazendo sucesso no mundo e devem chegar ao Brasil em breve

1. Variedade nas opções de entrega

O consumidor que compra pela internet foi se sofisticando com o amadurecimento do comércio online, hoje ele não quer apenas receber o produto que compra pela internet no prazo estipulado, ele quer opções de métodos de entrega, prazos mais curtos, mesmo que signifique pagar um frete mais caro por isso. Por isso a entrega no mesmo dia ou dia seguinte vem ganhando muita força no mercado, a prova disso é o sucesso do serviço Amazon Prime.

Outro método ainda pouco utilizado é a utilização de lockers em locais públicos, como correios por exemplo, para retirada de mercadorias. Esse método também pode ser empregado em comércios que utilizam o conceito de omnichannel, onde o cliente retira a mercadoria comprada online em uma loja física (nesse caso os estoques do online e físico precisam estar integrados para fazer a gestão com eficiência).

Uma prática que vem ganhando força nessa tendência é o de oferecer condições de frete alinhadas a diferentes perfis de clientes, como frete gratuito com prazo longo de entrega e frete expresso para cliente VIP (que pode ser aliado a pontuação em um programa de fidelidade, por exemplo).

2. Showroom físico com vendas digitais

Uma tendência que vem ganhando força é a de montar um ponto de venda físico mas sem estoque, cuja venda é feita online e entregue na casa do cliente. O intuito é permitir que o cliente experimente os produtos e possa interagir com eles fisicamente antes de efetuar a compra. Essa tendência vem ganhando força pois a montagem e concepção da loja precisa levar em consideração apenas encantar o cliente, não é necessário gerir estoque e nem realizar operações financeiras visto que esse processo é feito inteiramente na loja online.

3. Logística reversa

Muito se fala em logística reversa, mas poucas empresas têm se dedicado a ter um processo eficiente. Logística reversa é o ato de devolver um produto para loja, por qualquer motivo que seja (defeito, troca, cancelamento, etc). A verdade é que os consumidores perdem o medo de comprar em uma loja online por confiar que podem trocar ou devolver produtos sem grandes complicações, por isso ter esse processo claro e eficiente pode alavancar as vendas. Um exemplo é que na frança 45% das calças jeans compradas online são devolvidas às lojas, enquanto no Brasil boa parte dos clientes ainda evitam “se arriscar” comprando online.

4. Empresas full service (verticalização do processo)

A quarta tendência é o surgimento do modelo de negócio fullcommerce, onde a loja passa a executar todas as etapas do processo. Desde a tecnologia, mão de obra, armazenagem, gestão e inclusive a entrega dos produtos.

5. Tecnologia para otimizar serviço

Como dizemos sempre, a tecnologia é parte essência do mercado de logística. Em 2017 ela terá um papel ainda mais impactante no mercado, facilitando processos, aumentando a produção e em alguns casos criando novas modalidades de serviços. Abaixo citamos alguns exemplos onde a tecnologia pode otimizar o serviço:

  • Sistema de agendamento em portos para reduzir filas de caminhões nas entregas rodoviárias
  • Compartilhamento de ativos. Ex: utilização de Uber e taxistas para realização de entregas e logística reversa.
  • Surgimento de empresas intermediárias para gerar negócios e reduzir custos. Ex: a empresa Mandaê coleta mercadorias em São Paulo, embala, e envia pelos correios com um custo de postagem inferior.

E a sua empresa, está preparada para atender essas tendências em logística no ano que vem?

Ainda dá tempo de se preparar, boas entregas!

Tendências em logística 2017